Todos querem Walter, o gordinho artilheiro

Por Ygor Salles

Ele tem 1,78m e 92 quilos. O que significa um IMC (Índice de Massa Corporal) de 29 –mais um ponto e ele deixaria a fase de sobrepeso e entraria na faixa de obesidade.

Difícil entender como alguém com essa forma física seja atleta profissional de futebol. Ele é. E já pode levar o título de jogador mais carismático do campeonato, pelo que vemos nas redes sociais.

É, todos querem o atacante Walter, do Goiás, em seu time. Ou na seleção (olho nele, Felipão!).

Ele já marcou 12 gols no Campeonato Brasileiro. Está em quinto na tabela de artilheiros, a três do líder da estatística –o atacante Ederson, do Atlético-PR. Mas, em carisma, leva de goleada.

Na rodada de hoje do Brasileirão, o Goiás venceu o Atlético-PR por 3 a 0 e encostou na briga por uma vaga na Libertadores. Walter foi o destaque do time esmeraldino, marcando um dos gols e dando o passe para outro.

Isso já seria o suficiente para lhe render repercussão nas redes. Mas ele foi além: não comemorou seu gol em retaliação à torcida do seu time, que minutos antes tinha se envolvido em uma confusão nas arquibancadas –o que, neste ano, vem rendendo punições severas por parte do STJD. Na saída do campo, ainda disse que a briga foi uma “palhaçada” e que a torcida organizada não merecia que  time fosse à Libertadores.

Ou seja: além de ter a forma física do torcedor médio e mesmo assim ser destaque, ainda critica as bobagens que a torcida organizada faz –tente aí, conhece algum jogador que peita a organizada do seu time sem pensar muito?

Veja abaixo alguns dos posts sobre o novo ídolo deste blog:

 

 

 

 

 

 

 

 

Aos clubes, uma dica: Walter está emprestado até o final do ano ao Goiás. Se o gordinho interessar, é só ir ao Porto e negociar.