O pior cartão de visitas do mundo

Por Ygor Salles

Ele poderia ser conhecido apenas como um importante magnata chinês, ou como pretendente a novo dono do ‘New York Times’. Mas o empresário Chen Guangbiao ganhou as manchetes e virou meme nesta semana devido ao seu cartão de visitas (!!!).

Tudo começou na quarta-feira, quando o site Business Insider publicou a imagem do cartão do milionário chinês. Veja:

Chen

Tudo bem o cara se apresentar, é dono de uma grande empresa de reciclagem, tem uma fortuna avaliada em US$ 500 milhões…

O problema é os outros títulos que ele mesmo se deu no cartão. Entre eles está o de ‘pessoa mais influente da China’, ‘mais proeminente filantropo da China’, e assim vai.

Quem conhece Guangbiao não estranharia o cartão. Ele é famoso no seu país por, digamos, gostar de aparecer. Um dos meios que usa para isso é a filantropia –o que lhe rende críticas por querer holofotes em momentos de tragédia.

A primeira vez que ele causou fora de seu país foi em 2010, quando publicou no ‘New York Times’ um anúncio em que dizia que o arquipélago de Diaoyu (ou Senkaku, para os japoneses), pertencia ao seu país. China e Japão vivem se estranhando, algumas vezes com tensão acima do normal, pelo controle das inabitadas ilhas por causa de um grande campo de gás natural que há debaixo delas.

Mais recentemente, ele anunciou que tentaria comprar o próprio ‘New York Times’, embora a direção do jornal americano nem tenha lhe dado ouvidos.

Ontem, o site Slate aumentou a brincadeira criando um ‘gerador de cartões de Chen Guangbiao’. Eu até fiz um para mim. Os títulos ficaram tão bizarros que, sim, parecem com o do magnata chinês:

Ygor

Além dos cartões criados via Slate, outros internautas também andaram criando seus próprios cartões baseados no ~design~ do original. Ou criaram cartões para outras pessoas, como o ditador norte-coreano, Kim Jong-un. Divirta-se: