Fuleco imita Kidiaba no Beira-Rio

Por Ygor Salles

Tirando as rivalidades entre países, já temos um campeão da zoeira entre times na Copa do Mundo.

No terceiro gol da Holanda na vitória por 3 a 2 sobre a Austrália no Beira-Rio, o telão do estádio mostrou o mascote da Copa, o Fuleco, imitando o Kidiaba durante a comemoração.

Falando assim, parece bobagem. E é. Mas uma bobagem que é capaz de deixar qualquer colorado revoltado –o que, por sua vez, é ótimo para os gremistas.

Kidiaba era o goleiro do Mazembe quando o time da República Democrática do Congo derrotou o Inter por 2 a 0 nas semifinais do Mundial de Clubes de 2010. O resultado é considerado um dos maiores vexames da história do clube gaúcho.

O goleiro tem como hábito comemorar gols do seu time de uma forma que nem consigo explicar. É mais fácil vocês verem a 1m10′ desde vídeo:

A comemoração, portanto, é um símbolo para aquele jogo de triste memória para os colorados. Qualquer um, mesmo que seja um mascote da Copa num telão, imitar Kidiaba dentro do Beira-Rio se torna quase uma afronta para eles.

Veja algumas das manifestações sobre o caso: