A meta de Dilma virou explicação para tudo nas redes sociais

Por Ygor Salles
Dilma discursa durante lançamento do Pronatec Aprendiz, no Palácio do Planalto (Alan Marques/Folhapress)
Dilma discursa durante lançamento do Pronatec Aprendiz, no Palácio do Planalto (Alan Marques/Folhapress)

Não é de hoje que a falta de habilidade da presidente Dilma Rousseff com a oratória vira brincadeira nas redes sociais toda vez que ela se enrola.

A meta, ou a falta de meta, ou a meta dobrada, foi a última delas e rendeu até vídeos musicais.

A última da presidente ocorreu na semana passada. Ao anunciar 15 mil novas vagas no Pronatec Aprendiz, ela se enrolou para explicar o pequeno aumento de 1,5% no programa.

“Não vamos colocar meta. Vamos deixar a meta aberta, mas, quando atingirmos a meta, vamos dobrar a meta”, disse.

O termo “a meta” já foi usado quase 60 mil vezes desde então no Twitter. Para comparação, na semana anterior à fala foram 16 mil menções.

Para os internautas, a fala de Dilma serve para muitas situações:

O pico de menções foi na segunda-feira. O motivo? Piadas envolvendo a prisão de José Dirceu, ex-ministro do governo Lula, devido à suspeita de participação no esquema de corrupção na Petrobras.

DILMA CANTA A META

Houve até quem criasse uma canção baseada na desastrada fala presidencial.

O canal de humor no Youtube Timbu Fun fez uma mixagem com o discurso que deixou tudo mais engraçado:

Não é a primeira vez que eles fazem isso com Dilma. A famosa saudação à mandioca, feita pela presidente no final de junho, na abertura dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, já havia rendido um vídeo que foi um sucesso de audiência, com mais de 1,5 milhão de visualizações.