Queridinho da web, padre Fábio de Melo relata encontro com travesti –e divide internet

Por Ygor Salles

Por Sarah Mota Resende

Um vídeo de pregação do padre Fábio de Melo em que ele relata encontro com uma travesti causou polêmica na internet nesta semana.

O desabafo ocorreu no último final de semana no acampamento Hosana Brasil 2015, evento religioso realizado em Cachoeira Paulista (SP). Nele, o sacerdote descreve o encontro, que aconteceu no aniversário da cantora Alcione, na quadra da Mangueira, no Rio.

O padre conta que ficou apreensivo quando viu a travesti se aproximar. “Vou confessar publicamente minha hipocrisia. Pensei: ‘meu Deus do céu, e se esse rapaz pedir pra tirar uma foto comigo? Como eu vou reagir?’”

Então, ao ser abordado por ela, que perguntou se ele costumava “tirar fotos com pecadoras”, posou abraçado a travesti. “E eu respondi: mas é claro! E abracei ele e tiramos a foto. Antes de sair, ele disse: ‘eu não acredito que o senhor permitiu’. E os olhos dele estavam emocionados”.

Posteriormente, o padre foi avisado, pela irmã da aniversariante, que se tratava Luana Muniz que, em 2010, participou do “Profissão Repórter”, da Rede Globo. “Assim que ele saiu, Maria Helena, a irmã da Alcione, me contou a história. Ela disse que ele mora na Lapa e criou um grupo que alimenta e recolhe todos os miseráveis daquela região. Ele dá banho, alimenta, não tem nojo de ninguém”.

“Não cabe nenhum julgamento do lado de lá, cabe aqui. Quando Deus coloca essas pessoas diante de nós, é para desmoronar os castelos de ilusão que nós criamos dentro”.

Veja o vídeo do relato:

Com a ares de popstar, o padre cantor, famoso por comentários irônicos e divertidos nas redes sociais, desta vez dividiu a opinião dos internautas.

Uma das maiores queixas recaía sobre o fato de que o padre, ao relatar o ocorrido para seus fieis, referir-se à travesti no masculino. O deputado e ativista Jean Wyllys saiu em defesa do sacerdote e fez coro aos que louvaram seu desabado.