Reclamação de ‘assédio’ gay faz mulheres irem à forra em página no Facebook

Por Ygor Salles

Nada como o feitiço virar contra o feiticeiro, não é mesmo?

Essa sensação de ‘vingancinha’ bem-humorada por parte de várias mulheres viralizou nas redes sociais nesta semana contra um rapaz que reclamou de um suposto assédio de um homossexual.

A postagem foi feita na página ‘Te Vi no Mackenzie’ no Facebook na última terça-feira (29). A página é famosa por mostrar alunos (homens e mulheres) da faculdade em São Paulo com cantadas bem-humoradas. Mas, naquele dia, foi usada pelo administrador para reclamar que alguém estava de olho no, hum, ‘Bráulio’ dos homens nos banheiros dos bares do entorno do campus.

(Para quem não entendeu o ‘Bráulio’, veja esse vídeo e tudo estará explicado).

20160331 Te Vi 1

Mas as mulheres que seguem a página aproveitaram para mostrar como se sentem quando são assediadas usando os mesmos argumentos que os homens usam quando são elas que reclamam do assédio. O resultado foi hilário, e mais gente ainda dá contribuição conforme a página viraliza:

20160331 Te Vi 2

20160331 Te Vi 3

20160331 Te Vi 4

20160331 Te Vi 5

20160331 Te Vi 6

20160331 Te Vi 7

20160331 Te Vi 8

Claro que também teve quem fosse menos piadista nas críticas:

20160331 Te Vi 10

20160331 Te Vi 9

Até a publicação desta nota a postagem já tinha mais de 2.000 compartilhamentos. Aparentemente vai longe.

Dentro desta mesma linha, uma pegadinha francesa viralizou no início do mês. Nele, um homem flerta com outros homens no shopping.