Marta começa no banco e frustra internautas, mas entra na segunda etapa e deixa web frenética

Por Mateus Luiz de Souza

A seleção feminina viajou a Manaus classificada na #Rio2016. Por isso, o técnico Vadão poupou algumas jogadoras, como Marta e Formiga. Uma frustração para os desavisados torcedores que foram ao jogo e para os internautas que acompanhavam a partida olhando para as duas telas — da TV e do computador. Foi um sentimento de frustração total. A cada vez que Marta era mostrada, todo mundo vibrava. Até que no segundo tempo veio a melhor parte: Marta entrou no jogo. O suficiente para levar todo mundo à loucura.

A torcida queria Marta.

Mesmo no banco, no entanto, ela continuou sendo o centro das atenções.

Arrepiou.

Alguns, no entanto, compreenderam a rainha do futebol no banco.

Essa foi mais ou menos compreensiva.

Muitos torcedores seguiram essa criança e trocaram o nome da camisa do Neymar para Marta.

Quem não tinha camisa, arranjou soluções.

Quem ainda não fez diz que vai fazer.

Os pedidos para a Marta entrar eram bastante comuns.

Mas, então, no intervalo, veio o grande momento do jogo.

E a cada toque dela na bola, um grito no estádio e um novo meme na internet.

Todos amam Marta.

B-e-b-ê Marta.

Delírio.

Tudo lindo, tudo maravilhoso. Mas aí Marta não fez gol e… a compararam com Neymar.

E também acusaram o Neymar.