‘Calexit’: californianos sonham como seria se separar dos EUA após vitória de Trump

Por Ygor Salles

Geologicamente falando, é questão de tempo (dias ou milhares de anos) para que a área onde fica o Estado americano da Califórnia se separe do restante dos Estados Unidos. O grande terremoto que sacramentaria tal separação, conhecido como ‘Big One’, faz parte do folclore americano, tanto que já foi alvo de vários filmes catastrofistas de Hollywood.

Pois bem, os californianos resolveram não esperar pelo ‘Big One’ e começaram nas redes sociais uma campanha para se separar dos Estados Unidos antes do fatídico terremoto. Motivo: a vitória do republicano Donald Trump na disputa presidencial do país.

No Estado, a democrata Hillary Clinton ganhou com certa folga –até o início da manhã, com 76% das urnas apuradas, vencia com 60,6% dos votos. Mas o resto do país preferiu o republicano.

Não demorou muito para surgir um movimento separatista nas redes sociais, chamado de ‘Calexit’ ou de ‘Califrexit’ –ambas em alusão ao ‘Brexit’, a saída do Reino Unido da União Europeia.

A campanha, de fato, existe, embora não seja muito levada a sério. Chama-se ‘Yes California’ e cobra a realização de um referendo no primeiro semestre de 2019.