Erramos da Revolução Russa em alfabeto cirílico não é um jogo de 7 erros

Por Tássia Kastner

erramos russo

Um erro cometido pela Folha despertou grande curiosidade (e piadas, claro) nas redes sociais. Como é que a redação descobriu que a expressão “Revolução de Outubro” foi escrita de forma incorreta no caderno especial sobre o centenário da Revolução Russa?

Entre nossos atentos leitores estava Ekaterina Guennadievna Trofimova, que entrou em contato com o serviço de atendimento ao assinante para avisar do erro. Obrigada, Ekaterina.

Os leitores também ficaram intrigados com a correção, já que, falantes de português que são, não são muito familiarizados com o alfabeto cirílico. Por isso, separamos alguns comentários sobre esse episódio. Faremos nosso melhor para que não se repita. Inclusive, os jornalistas terão aulas de russo para os preparativos da Copa 2018 =)

PS: No aniversário de 95 anos, comemorado no ano passado, a Folha convidou colunistas a lerem os erramos mais engraçados da história do jornal. Relembre com a gente.