Tem que ser americano: continência de Bolsonaro gera memes nas redes sociais

Ygor Salles

Mariana Agunzi

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, recebeu na última quinta (29) o assessor de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton. O encontro aconteceu na casa de Bolsonaro, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

Mas uma coisa chamou mais a atenção do que a mesa de café da manhã (sem toalha e com um engradado de iogurte Chambinho, vale ressaltar) que Bolsonaro ofereceu ao conselheiro de Trump. É que o eleito prestou continência a Bolton assim que este chegou em sua casa.

Jair Bolsonaro no encontro com o assessor de Trump, John Bolton (Divulgação)

O Regulamento de Continências, Honras, Sinais de Respeito e Cerimonial Militar das Forças Armadas diz que “a continência parte sempre do militar de menor precedência hierárquica”.

Por isso, não demorou muito para o gesto do presidente eleito abrir uma enxurrada de memes na internet brincando com o tema. Veja alguns deles:

Franguinho americano

Reprodução Twitter @_leirouanet

Misto quente, que nada! Americano, por favor

Reprodução Twitter @pecesiqueira

Chapolin Colorado ou Super-Homem?

Reprodução Twitter @LennyKopes

Futebol… americano, é claro

Reprodução Twitter @malignaff

 

Fofão não está com nada

Reprodução Twitter @predocindio

Pixuleco também perdeu o estrelato

Reprodução Twitter @AndradeThom

Barry Manilow é outro que não saiu impune

Reprodução Twitter @Rao_Neo

Bebida, só se for neste copo

Reprodução Twitter @BabylonVampire

Vale lembrar que bater continência é um gesto habitual do presidente eleito, que é capitão reformado do Exército. Em março do ano passado, quando o então deputado federal Bolsonaro encontrou Sergio Moro no Aeroporto Internacional de Brasília, a reação foi a mesma.

Na época, o juiz –que agora é ex-juiz e vai ocupar o cargo de ministro da Justiça no novo governo– sorriu e cumprimentou o parlamentar rapidamente. Bolsonaro também prestou continência a Raquel Dodge em visita à Procuradoria-Geral da República no fim de novembro.