Café da manhã de Bolsonaro com pão com leite condensado volta à tona

Mateus Luiz de Souza

O “Jornal Nacional” deste sábado, o último antes do segundo turno, trouxe longas reportagens sobre os candidatos à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

Dentre as imagens exibidas do capitão reformado, está a de um café da manhã: com a camisa do Palmeiras, café e leite, pão com leite condensado (sem prato), a faca espetada no queijo, o celular sendo carregado na correria pela manhã.

Nesta simples imagem de um café da manhã, muitos enxergaram ali a incapacidade de organizar o país, uma vez que não consegue organizar a própria refeição.

Seus apoiadores, no entanto, elogiaram o “café da manhã reforçado”.

Mas o que mais chamou atenção em toda essa história é o tal do pão com leite condensado.

Causa tanta discórdia quanto botar ketchup na pizza, se é biscoito ou bolacha, e por aí vai.

Uns amam…

Mesmo quem não gosta do Bolsonaro o elogiou por isso.

E houve aqueles que experimentaram pela primeira vez.

Mas tem aqueles que não entendem de forma alguma a escolha.

E mesmo quem gosta do Bolsonaro o criticou por isso.

POLÊMICA

Resumindo: não há unanimidade quando falamos de pão com leite condensado. E você, o que acha de tudo isso aí?