Brasileira que fez ‘Coxinha Pistola’ homenageia torcedor misterioso em nova obra de arte

Mateus Luiz de Souza

E a brasileira que fez a Coxinarinho Pistola (leia sobre a iguaria aqui) atacou novamente.

Dessa vez, a jovem artista Shirley Candido homenageou Yuri Torski, o torcedor misterioso que virou mascote da torcida brasileira ao ser flagrado pelas câmeras da televisão agitando a bandeira com um olhar considerado sombrio pelos internautas, mas que ganhou a simpatia por estar em sintonia com o espírito “Canarinho Pistola” da Copa de 2018.

A vida de Yuri, aliás, mudou radicalmente desde essa descoberta.

O engenheiro aeroespacial foi convidado por um patrocinador da seleção para assistir ao jogo contra a Bélgica, em Kazan.

E, o melhor para o Brasil, Yuri, que mora em Samara, disse que pretende sim ir ao jogo.

Que traga boas energias de novo para o Brasil!

Siga minuto a minuto das notícias desta sexta (6), que marca o início das quartas de final.